espirais

Material DidáticoMaterial Didático

Ensino Fundamental II

Feudalismo + Atividades de Leitura + A moreninha + Auto de São Lourenço + Diálogos no Picadeiro da Vida
5 livros por R$ 61,60 preço final nas livrarias

Atividades de Leitura

  • Autor: Dárfini Lima
  • Gramatura do papel: 75
  • Número de páginas: 32
  • Descrição: As atividades de leitura propõem aprofundar a compreensão textual, analisando a obra com exercícios reflexivos, e oportunizar espaços para debates e trabalhos em grupo.
    As questões constituem-se em parâmetros e comentários a partir dos quais o professor poderá avaliar o desenvolvimento cognitivo do estudante.

Feudalismo

  • Autor: Airton de Farias
  • Gramatura do papel: 75
  • Número de páginas: 96
  • Descrição: Associado ao estudo da obra do Padre José de Anchieta, o paradidático Feudalismo possibilitará uma compreensão mais ampla da Idade Média. Nesta obra procuramos entender um pouco sobre como vivia e o que pensava o homem medieval, seus sonhos, suas esperanças, e frustrações. Essas páginas são um estímulo para os alunos aprofundarem seus estudos em sala de aula e em outras obras. Será realizada uma verdadeira viagem ao mundo medieval.

Diálogos no Picadeiro da Vida

  • Autor: Edvaldo Arlégo
  • Gramatura do papel: 75
  • Número de páginas: 80
  • Descrição: Não é de hoje que Edvaldo Arlégo encanta leitores de todas as idades com seu estilo suave e ao mesmo tempo profundo de escrever a respeito da arte de viver. Em sua obra Diálogos no Picadeiro da Vida, por meio de uma linguagem simples e original, Arlégo apresenta a trajetória de uma família humilde que nos ensina lições valiosíssimas a respeito da existência humana. Muito mais do que um simples livro, Diálogos no Picadeiro são sentimentos evocados de dentro da alma do autor e traduzido em palavras.

A Moreninha

  • Autor: Joaquim Manoel de Macedo
  • Gramatura do papel: 75
  • Número de páginas: 240
  • Descrição: A Moreninha mostra os costumes e a organização da sociedade que se formava no século XIX no Rio de Janeiro, com os bailes, os romances, a idealização do amor puro, que nasce na infância e permanece apesar do tempo – uma das principais características dessa obra.
    Neste clássico da nossa literatura, Macedo passa a analisar e estudar o comportamento das pessoas sobre o amor. Com uma leitura leve, essa obra se fez um clássico, cuja repercussão não se entende apenas à sua época, mas até hoje.

Auto de São Lourenço

  • Autor: Pe. José de Anchieta
  • Gramatura do papel: 75
  • Número de páginas: 112
  • Descrição: Escrito no século XVI, O Auto de São Lourenço pode ser utilizado como uma interessante ferramenta de estudo da herança cultural e religiosa do Brasil Colonial. Escrito originalmente com versos em três línguas — Tupi, Português e Espanhol —, é notório pelo seu teor religioso e pedagógico.
    Neste clássico, percebemos claramente a valorização da temática religiosa que permeia as obras do Padre José de Anchieta.